Dois tempos de uma história

Article de compte rendu de la conférence


Auteurs / Editeurs


Domaines de Recherche


Détails sur la publication

Sous-titre: Do chão de estrelas (1978) aos macaquinhos (2015), a libertação de corpo(S) e sexualidade(S) entre poderes e resistências no Brasil
Liste des auteurs: Weuth, M., & Ghisleni, P. C.
Editeur: Universidade Regional do Noroeste do Estado do Rio Grande do Sul
Place: Brasil
Année de publication: 2017
Numéro du volume: 1
Page d'accueil: 1
Dernière page: 12
Nombre de pages: 12
eISBN: 2318-2385
Languages: Potugais-Brésil (PT-BR)


Résumé

Este artigo analisa, a partir do filme “Tatuagem” (2013) e da performance “Macaquinhos”, se e em
que medida o tema da libertação sexual encontra, na contemporaneidade brasileira, os mesmos
percalços evidenciados no período do regime ditatorial. Objetiva-se compreender se a arte
burlesca, por meio do deboche e da profanação, emerge como condição de possibilidade para
pensar no estabelecimento de estratégias de (micro)resistência à hipótese repressiva gestada pelo
biopoder. Uma hipótese provisória permite responder que a mesma lógica conservadora de
imposição de poder que delineava a expressão artística no período ditatorial brasileiro remanesce
nos discursos condenatórios contemporâneos acerca da estética performática de “Macaquinhos”.
Para elaboração da pesquisa, utilizam-se os aportes teóricos de Michel Foucault, especialmente no
que diz respeito ao uso dos corpos.


Mots-clés

Biopoder, Corpo, Resistência, Sexualidade


Documents

Pas d'articles correspondants trouvés.

Dernière mise à jour le 2019-10-08 à 00:30